1.21.2015

...assim


pic @

lembro-me do dia em que o periquito amarelo entrou na casinha da costura. fomos comprar uma gaiola e trouxemos uma companheira para ele. ela era azul. linda. faziam um casal tão fofo. e tiveram filhotes, muitos. a branquinha, o tortinho, a verdusca... e tantos, tantos outros. desde então, o nosso pequeno quintal tornou-se num alegre e chinfrineiro cantinho. eu tinha uns cinco, seis anos... teria?

lembras-te?

1 comentário:

Amélia disse...

Há pedaços da nossa vida que, apesar de pequeninos têm uma grande importância para nós. Linda foto.
Beijinhos