8.13.2014

| indo eu, indo eu...


completadas duas semanas: mudanças feitas e móveis montados. as paredes e os cantos da casa começam a criar vida, a reescrever a história. com o jardim aparado, a luz invade o espaço, outrora, escuro, denso, fechado... abrindo, assim, caminho para novas mudas que crescerão e darão frutos cheios de vida e de cor...

as manhãs nascem cedo, com o sol e o canto dos pequenos passarinhos que rodam a casa. os nossos bebés estão tão contentes e até a luna, essa gata velha e manhosa, se rebola pelo chão, fazendo gracinhas, como se dizendo "agora, sim... sinto-me feliz". os humanos cá de casa também sentem essa luz que invadiu o jardim. e sentem que essa luz invadiu, de igual modo, as suas [nossas] vidas...

a cidade é linda. mas isso, já todos sabíamos. contudo, todos os dias descobrimos um novo canto, um novo lugar que convida a estar, a ficar um pouco mais. as pessoas são diferentes: sente-se uma nova maneira de ser/estar no mundo - quando se pede uma direcção, se tira uma dúvida ou se pede um cafézinho. há sempre um sorriso, uma gentileza na voz, uns olhos que brilham na pessoa que nos responde. sentimos que somos bem-vindos e isso é muito, é tudo o que precisamos para ir em frente.

a vida é feita de etapas, novas jornadas que se iniciam a cada instante que se vive. foi com muita fé, esperança e muito amor, que acolhemos este novo começo... e é com muita fé, esperança e muito amor que continuamos a caminhar.

passo a passo ♡ 


Sem comentários: